India

India

Coisas para fazer - gerais

Em pleno século 21, a terra de figuras inspiradoras como Buda e Gandhi ainda mantém suas cores e misticismo, motivando viagens que vão muito além das mundanas excursões turísticas. Porém, em fervilhante e constante mutação, a Índia de hoje também mira o futuro inspirando-se como nunca na imagem de magnatas como Lakshimi Mittal e Ratan Tata. Empreendedorismo com espiritualidade, uma combinação bem moderna.

Uma pequena amostra dessa impressionante nação de mais de um bilhão de habitantes, dezenas de idiomas e religiões é dada no triângulo de ouro, a rota entre a capital, Nova Déli, a linda Agra e Jaipur, no coração do estado do Rajastão.

Em Nova Délhi há um encontro marcado com um cenário pluricultural, caótico e vibrante, misturando burocratas governamentais, jovens esperançosos e executivos de multinacionais. Barulhenta e com um tráfego urbano tão conturbado quanto nossas cidades (nos piores dias), a cidade mantém espaços monumentais como a grande mesquita de Jama Masjid, o imponente Forte Red e uma vida cotidiana agitada, repleta de cafés, lojas e restaurantes, em Connaught Place.

O desértico Rajastão lhe reserva paisagens maravilhosas e uma das cidades mais singulares do planeta em Jaipur, com seus edifícios de paredes rosadas à sombra do esplendoroso Forte Amber. Não é a toa que sua beleza foi explorada à exaustão numa recente novela de TV.

Em Agra, duas grandes joias da arquitetura deleitam os viajantes há séculos: o Forte Agra e o belíssimo Taj Mahal. Essa última eIndia QwUpfabm especial é uma daquelas obras que qualquer bom viajante deveria colocar como um dos dez destinos obrigatórios de uma vida.

Fora do triângulo, descubra outros destinos como a hedonista antiga col
ônia portuguesa de Goa e os templos de Khajuraho, repletas de entalhes e esculturas eróticos. Outros centros de destaque são metrópoles que mudaram recentemente de nome, como Kolkata (a antiga Calcutá), Chennai (Madras) e Mumbai (Bombaim). Sobrou até para o entreposto de especiarias Calicute, agora conhecida como Kozhikode.

Por fim, nenhuma viagem à Índia é completa sem assistir ao nascer do sol às margens do rio Ganges, em Varanasi (Benares). Enfim, a Índia testa todos seus sentidos ao máximo, provocando sensações extremas e fascinação, paixão e desconfiança. Mas, logo você perceberá, ninguém fica indiferente a ela.


Texto: viagemeturismo.abril.com.br/paises/india/

Pais India
Área 3 287 590 km²
Idioma Hindi e Inglês
Moeda local Rupia indiana
Vistos e vacinas Residentes nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina ou Rio Grande do Sul devem submeter sua solicitação de visto ao Consulado-Geral da Índia em São Paulo. A seção consular da Embaixada da Índia em Brasília tem jurisdição sobre os demais estados do Brasil.

Esportes e Natureza

Esportes e Natureza o esporte nacional é o hóquei em campo e o esporte mais popular indiano é o críquete, Neste país existam áreas protegidas da natureza onde pode-se uma natureza exótica, com espécies tão espectaulares como o Tigre de Bengala, que é um animal nacional do país.O espaço natural mais destacado da Índia é o Parque Naciona de Hailey, um parque que está protegido a mais de 50 anos. Além disso, a Índia possui de outros parques nacionais, o que representa 2% da sua superfície.

Vida nortuna

Vida nortuna Se você acha que não existe vida noturna na Índia, você está muito enganado! O país conta com diversos restaurantes e baladas que podem agradar todo tipo de público, desde sua gastronomia exótica até uma noite agitada e cheia de aventuras.

Cultura e historia

Cultura & história A cultura indiana Representa uma das civilizações mais antigas da história sendo muito rica e diversificada. É uma cultura milenar que recebeu, várias influências orientais e ocidentais. A música tradicional indiana é resultado da fusão musical dos diversos grupos étnicos e linguísticos da região. As letras seguem um caráter emotivo e descritivo. Um dos instrumentos musicais mais utilizados na musica tradicional indiana é a tambura (instrumento de cordas). A dança mais popular da Índia é a Bharathanatyam. É uma dança clássica tradicional, onde os dançarinos fazem lindos e suaves movimentos e poses. As letras deste tipo musical falam das grandes realizações de deuses e heróis da mitologia. Esta dança surgiu há mais de 5 mil anos no sul da Índia e influenciou outros estilos de dança em várias regiões da Índia e do continente asiático. Por volta de 1500 a.C., a Índia foi invadida pelas tribos árias, povos nômades, vindos provavelmente do Irã, que ocuparam a região, dominando a civilização hindu que se formava. Teve início, então, o Período Védico, que durou até 500 a.C. Entre os séculos XVII e XIV, Dinastia Mughal reinou na Índia e deixou suas marcas principalmente por sua arquitetura presente ainda hoje em monumentos como o Taj Mahal. Os ingleses, a partir de 1858, utilizaram a Companhia Inglesa das Índias Orientais para se estabelecerem amigavelmente no país mas devolveram o controle aos indianos após a Segunda Guerra Mundial devido a pressão de descolonização exercida por Mahatma Gandhi.

India - O despertar de Krishna - 9 noites

India
Sendo especialistas em Índia e acreditando na elevação espiritual dos nossos clientes e parceiros Mais info
Reserve agora

India - Origens da Yoga - 9 noites

India
Sendo especialistas em Índia e acreditando na elevação espiritual dos nossos clientes e parceiros Mais info
Reserve agora